• EN
  • Ajuda Contextual
  • Facebook
  • Instagram
  • Youtube
Você está em: Início > Cursos > Unidades Curriculares > GS3103

Intervenção Sistémica I


Código: GS3103    Sigla: IS1

Ocorrência: 2018/19 - 1S

Área de Ensino: Gerontologia Aplicada

Cursos

Sigla Nº de Estudantes Plano de Estudos Anos Curriculares Créditos Horas Contacto Horas Totais
LGS 5 Despacho 6311/08 de 05 de Março 3 ECTS

Horas Efetivamente Lecionadas

3Turma

Laboratoriais: 17,00

Docência - Horas

Laboratoriais: 2,00

Tipo Docente Turmas Horas
Laboratoriais Totais 1 2,00
Jacqueline Ferreira Marques   2,00

Língua de Ensino

Português

Objectivos, Competências e Resultados de aprendizagem

Para esta disciplina pretende-se que o estudante adquira competências na compreensão do fenómeno do envelhecimento nas diversas correntes teóricas, na perspectiva do indivíduo, da família e das instituições, nomeadamente o papel do idoso na família e na sociedade e as variáveis que condicionam a relação idoso, família e cuidador. Pretende-se ainda dotar o estudante de competências específicas de intervenção com cuidadores formais e informais, no que diz respeito ao papel do gerontólogo social, nomeadamente competências para facilitar a comunicação entre o indivíduo, família e cuidador, competências para promover a autonomia do idoso proporcionando a adequada protecção e para promover mudanças familiares e institucionais para o aumento da qualidade de vida do doente / idoso. Para tal, no final desta disciplina o aluno deverá ser capaz de: i) Analisar os fenómenos familiares e institucionais em torno do envelhecimento através de noções oriundas da Teoria Geral dos Sistemas, da Teoria da Cibernética. ii) Identificar dificuldades na interação humana, a partir dos axiomas da Pargmática da Comunicação Humana iii) Conhecer diferentes escolas de intervenção sistémica: transgeracional, estrutural, estartégica e pós-moderna. iv) Conhecer os desafios e dificuldades inerentes ao ciclo vital (final) familiar, nomeadamente a aceitação da morte. v) Conhecer diferentes estratégias de intervenção sistémicas: hipotetização, questões circulares e reflexivas, genograma. vi) Reconhecer diferentes problemáticas na relação entre cuidadores, formais, cuidaores informais e idoso.

Programa

1.Teoria Geral dos sistemas aplicada às instituições e ao funcionamento familiar. 2. Teoria da Cibernética. 3. Teorias da comunicação (escola de Palo Alto). 4. Da `realidade inventada¿ (Watzlawick) ao construccionismo social. 5. As narrativas/sistema (Sluzki). 6. Postura co-laborativa de `não-saber¿ (Goolishian e Anderson) 7. Famílias e outras redes sociais. 8. Condução de sessões com famílias e com grupos (hipótese sistémica, questionário circular, técnicas activas e escultura, genogramas e transmissão multigeneracional, questionário reflexivo). 9. Intervenções transgeracionais, estruturais, estratégicas e narrativas.

Demonstração da Coerência dos Conteúdos Programáticos com os Objetivos da UC

Os objetivos i, ii e vii serão concretizados através dos pontos 1 ao 4 do programa. Os pontos 5, 6 e 7 prmitem concretizar os objetivos iii, iv e v. O ponto 8 e 9 dão corpo ao obetivo v e vi.

Bibliografia Principal

Andolfi, M.;A Terapia Familiar, Vega, 1981
Alarcão, M;(Des)Equilíbrios Familiares, Quarteto, 2000
Relvas, A.P. ; Alarcão, M. (Coord.) ;Novas Formas de Famílias, Quarteto, 2000
Minuchin, S.; Fishman, C.;Técnicas de Terapia Familiar, Paidós, 1992
Philip Barker;Fundamentos da terapia familiar, climepsi, 2000. ISBN: 972-8449-68-2

Bibliografia Complementar

Alan Carr;Family Therapy, Wiley, 2001. ISBN: o-471-49124-1
Alberto Espina, Miguel Garrido;Problemáticas familiares actuales y terapia familiar, Promolibro, 1995. ISBN: 84-7986-109-6

Métodos de Ensino

Privilegia-se uma metodologia de ensino mista - expositivo, interrogativa e participativa. Contempla a necessária interiorização de conhecimentos pelos alunos, pressupondo uma atividade expositiva e orientadora por parte do professor, em articulação com atividaes que exigem a participação ativa dos alunos de modo a permitir o treino de competências


Modo de Avaliação

Avaliação apenas com exame final

Componentes de Avaliação e Ocupação registadas

Descrição Tipo Tempo (horas) Data de Conclusão
Participação presencial (estimativa)  Aulas  30
Prova escrita de avaliação de conhecimentos  Teste/Exame  2 2018-12-07
Trabalho de grupo com apresentação oral  Trabalho laboratorial ou de campo  6 2018-12-12
  Total: 38

Avaliação Contínua

Frequência obrigatória

Avaliação Final

Teste de avaliação: 55% trabalho e apresentação oral 35% e assiduidade 10%

Provas e Trabalhos Especiais

Não aplicável

Melhoria de Classificação Final/Distribuída

Novo teste de conhecimentos

Demonstração da Coerência das Metodologias de Ensino com os Objetivos de Aprendizagem da Unidade Curricular

As atividades prática serão realizadas por meio de trabalhos práticos de aplicação dos conhecimentos adquiridos.